CONCERTO DE CANTATAS NAPOLITANAS DO SÉC. XVII E XVIII EM BH E JUIZ DE FORA

NOSSOS PATROCINADORES

(na foto o alaudista Diego Leveric) Pela primeira vez em Minas Gerais, e talvez no Brasil, serão tocadas cantatas em língua napolitana de Giulio Cesare Rubino que atuou entre os séculos XVII e XVIII.

Napoli foi uma das cidades mais importantes para a música e para a cultura europeia nos séculos XVII e XVIII, sobretudo no tocante à música vocal. Todos os grandes compositores tinham que ser reconhecidos na cidade Partenopea para alcançaram fama mundial. Dentre eles podemos destacar, Hasse, Handel, Rossini, Verdi, Wagner, entre os outros. A excelência e ligação profunda dessa cidade com a música pode ser comprovada pelos seus quatro conservatórios que produziram grandes gênios como Porpora, Farinelli, Pergolesi e Piccini.

Alem disso serão apresentadas obras para alaúde de Giovanni Zamboni, que também viveu e atuou entre os séculos XVII e XVIII, e de Johann Hieronymus Kapsperger, italianizado em Giovanni Girolamo Kapsberger que nasceu em Venezia, por volta de 1580 e faleceu em Roma em 1651; foi um musico e compositor italiano de pai austríaco e mãe veneziana, foi também um teórico da música e publicou um tratado musical. 

Teremos também uma cantata de Alessandro Scarlatti e sonatas do filho Domenico Scarlatti. Eles atuaram nos séculos XVII e XVIII, Alessandro foi um dos maiores compositores de cantatas, mais de 700, e de 114 óperas. Sua fama chegou às mais importantes cidades do mundo, em quanto o filho Domenico é famoso pela composição de 555 sonatas para cravo, mas escreveu também muitas operas, música sacra, música para "ensemble" da camera e orgão.

Alem do mais os espectadores poderão apreciar a música de Johann Sebastian Bach, que dispensa apresentações.  

Esse concerto coloca em evidência o grupo Musica Figurata que se dedica à música italiana e suas relações com a Europa e o Brasil, mas a estrela da noite serà o aluadista romano Diego Leveric. Leveric é um dos maiores alaudistas de sua geração, realizando concertos regularmente no Japão, na França, Na Holanda, na Alemanha, na Síria, no Líbano e no Brasil.

Esta será a programação do concerto: Toccata VI de G.G. Kapsberger; Cantata Oh Cielo oh Ammore e Cantata lena mo si ca propeto de G.C. Rubino; Sonata in La e Ceccona de G. Zamboni; Sonata K 141 de D. Scarlatti; Suite BWV 995 de J.S. Bach; Cantata Dalla Nativa Sfera de A. Scarlatti.

O grupo Musica Figurata é composto por Luane Voigan, soprano; Lucas Bracher, violoncelo barroco e Robson Bessa cravo e direção musical. Músico convidado é o alaudista italiano Diego Leveric conhecido com o nome artístico de Edicole Grevi. 

O concerto Cantate Napoletane del 700 é uma apresentação do Consolato d’Italia, da Casa d’Italia de Juiz de Fora, e do grupo Musica Figurata.

As apresentações de Cantatas Napolitanas do Séc. XVII e XVIII acontecem na Casa D'Italia Juiz de Fora, na quarta dia 31 de julho, às 20 horas; em Belo Horizonte, no Museu Mineiro, no dia 7 de agosto às 20 horas. A entrada é gratuita.

Em Juiz de Fora os ingressos deverão ser retirados, a partir do dia 15 de julho de 15h as 18h, na sala do Departamento de Cultura da Casa D’Italia, avenida Rio Branco, 2585, Centro.

Quem quisesse ver uma exibição de Diego Leveric pode clicar aqui 

Em breve publicaremos mais detalhes e informações destes eventos.

Anuncie no site Itália em MG

Anuncie aqui seus Produtos e Serviçõs

ENVIE SEU MATERIAL OU PEÇA A INSCRIÇÃO NA NEWSLETTER

Envie-nos opiniões, sugestões de matérias, fotos, dicas de eventos para publicarmos no nosso site.

Envie-nos a sua historia, a historia e fotos de sua família ou de sua associação: as melhores serão publicadas.

Peça a inscrição na nossa Newsletter

no e-mail: redacao@italiaemminasgerais.com.br

Topo